Filme vencedor no Festival do Rio traz personalidade à uma trama investigativa em meio ao pós-carnaval pernambucano

“Fim de Festa” e seu lançamento em momento oportuno já de cara anunciam uma metáfora de reconhecimento imediato e grande significado sobre o Brasil. Após a efervescência do carnaval, sempre há um clima estranho e curioso com a volta à realidade, o que, dependendo da relação de cada um com as festividades, pode ser bom ou ruim. O retorno também varia na medida de qual … Continuar lendo Filme vencedor no Festival do Rio traz personalidade à uma trama investigativa em meio ao pós-carnaval pernambucano

Documentário tributo ao sambista Adoniran Barbosa faz jus ao grande músico apagado pelo tempo

O cinema brasileiro estreia com o pé direito em 2020. Adoniran – Meu Nome É João Rubinato, documentário dirigido por Pedro Serrano, é uma viagem pela vida do compositor, cantor e ator Adoniran Barbosa, autor de clássicos do samba brasileiro, como “Depois das Onze” e “Saudosa Maloca”. Adoniran compunha seus sambas inspirados em sua vida particular. Como ele mesmo dizia: tragédia de pobre, quando não … Continuar lendo Documentário tributo ao sambista Adoniran Barbosa faz jus ao grande músico apagado pelo tempo

1917: a humanidade por trás da 1º Guerra

            O grande foco do filme 1917 é apresentar a realidade das guerras, é expor a vida dos soldados nas trincheiras e campos de batalha. O diretor, Sam Mendes, escolhe contar sobre as vidas dos homens e não sobre a guerra em si. Dessa forma, o falso plano-sequência de Mendes conta uma história repleta de aventuras, conflitos de vida ou morte, tensões familiares e ratos enormes.              Mas, apesar de 1917 ser um … Continuar lendo 1917: a humanidade por trás da 1º Guerra

The Good Place acabou, e o universo das sitcoms jamais será o mesmo

Quando os usuais créditos de encerramento de The Good Place foram exibidos na transmissão da National Broadcasting Company (NBC) pela última vez após 53 episódios, o misto de sentimentos do público deve ter variado entre “realização total” e o “terrível vazio existencial”. A comédia situacional disfarçada de aula de filosofia durou quatro temporadas, e acompanhava as desventuras da desprezível personagem terrena de Eleanor Shellstrop (Kristen … Continuar lendo The Good Place acabou, e o universo das sitcoms jamais será o mesmo